quinta-feira, 5 de maio de 2011

Amor

Um menino deficiente estava num supermercado sentado no solo brincando
com latas que tinha tirado das prateleiras. Sua mãe estava fazendo
compras. O gerente ouviu aquele barulho de latas e veio gritando com o
menino para que parasse de brincar. O menino não deu atenção. O
gerente gritou mais alto. A irmã do menino ouviu os gritos, veio
correndo e perguntou o que havia. O gerente disse que o menino não lhe
obedecia. "Já pedi várias vezes e ele continua fazendo esse barulho
com as latas". A menina chegou ao ouvido do irmão, falou alguma coisa
e o menino imediatamente parou de brincar, e ela explicou ao gerente:
"Ele não entende quando você fala gritando. Eu apenas falei com amor
ao seu coração". É disso que precisamos mais em nossa sociedade: menos
gritos e mais expressões de amor nos corações das pessoas.

Fonte: Pão Diário

5 comentários:

Celina disse...

Lembrei-me do meu neto: só acorda se chegarmos perto dele e o despertarmos com calma.
Se alguém gritar de longe para ele levantar, não escuta nada.
Nada como o amor, gentileza e carinho.
Beijos, Lucinalva.
Da
Celina

Lúcia Soares disse...

oi nalva muito bonito este texto.devenos saber tratar bem as pessoas. beijos

Dc. Carlos Torres disse...

Isso é reflexo de um mundo neurótico e sem paz!

Obrigado pela visita e parceria. Estarei te seguindo também!
Paz.

Rodrigo disse...

Gostei mãe.

Atitude Cristã disse...

Grande verdade! Está cada vez mais difícil ver a calma até mesmo nos semblantes das pessoas, hoje em dia tudo está muito intenso. Ainda bem que temos a paz e o amor de Deus e podemos ser luz em um mundo de escuridão.

Deus te abençõe!

( Filipe Oliveira )

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Copyright (c) 2010 Reflexões Diárias Lucinalva. Design by WPThemes Expert
Themes By Buy My Themes And Cheap Conveyancing.