quarta-feira, 16 de março de 2011

O Maná do Senhor

Texto Bíblico: Salmo 37.8: "Deixa a ira, abandona o furor; não te
impacientes; certamente, isso acabará mal".

Reflexão: O tema agora é o autocontrole que devemos ter em nossas
relações: Deixe a Ira, Abandone o Furor; Não te Impacientes.
Certamente, num mundo tão cheio de violência como o que vivemos
atualmente, este ensino é por demais necessário. Não é difícil de ver
pessoas que perdem completamente seu autocontrole diante de coisas que
não careciam de tanto exagero. A construção de um caráter santo passa,
primordialmente, pelo controle de nossas emoções e de nossas atitudes
diante dos fatos que nos acontecem no nosso dia-a-dia. O Senhor nos
ensina que a ira não nos dá razão para pecar: "ira-vos, mas não
pequeis". O sentimento de ira pode até tomar conta de nossas emoções,
mas não nos dá o direito de quebrar o sagrado limite do respeito, do
amor ao próximo e de nossa condição de cristãos. Aqueles que têm
Cristo como Senhor de sua vida devem permitir que o Espírito Santo
controle seus instintos e suas atitudes de forma tal, que a ira, o
furor e a impaciência possam ser controlados. A ira remonta a nossa
incapacidade de permitir que o amor de Deus controle nossos instintos
e deixar que ele se manifeste através dos frutos da presença do
Espírito Santo. Assim, ao dar vazão a ira, inibimos a ação da bondade
e da mansidão sobre nosso caráter. Ao permitir que o furor (cólera)
tome a frente de nossos atos, abrimos mão da benignidade e da paz que
podem nos levar por outros caminhos. Esquecemos que a paciência e o
domínio próprio podem nos fazer viver na confiança e no descanso que o
Senhor nos promete. Não há possibilidade de construir um caráter
santo, sem mudarmos as atitudes que permeiam o nosso viver diário,
pois são elas que nos farão revelar a nossa fé, o nosso compromisso e
a transformação que o Senhor efetuou em nossas vidas. Se dissermos que
somos de Cristo, mas nossa vida continua a mostrar atitudes,
sentimentos e exemplos de pessoas que não se dispõem a ser dirigidas
pelo Espírito Santo, seremos considerados hipócritas e falsos, porque
se Cristo não transformou a nossa vida, não podemos dizer que Ele é o
nosso Senhor. Deixemos pois a ira, abandonemos o furor e vivamos na
esperança de que o nosso Senhor há de transformar todas as coisas,
para que as nossas vidas sejam vividas para revelar que Cristo vive em
nós.
Oração: Querido Senhor, que o teu Espírito habite em nós de tal forma,
que nossos atos e atitudes possam revelar a tua presença. Perdoa-nos
quando ainda permitimos ser guiados por nossa carne e por sentimentos
que não refletem a tua ação em nossas vidas. É o que oramos em nome de
Jesus. Amém!
O Maná do Senhor
Rev. Fred Souto+

Secretaria Episcopal
Diocese do Recife - Comunhão Anglicana
Visite nossa página: www.dar.org.br

"Tua é, Senhor, a magnificência, e o poder, e a honra, e a vitória, e
a majestade; porque teu é tudo quanto há nos céus e na terra; teu é,
Senhor, o reino, e tu te exaltaste por cabeça sobre todos" (1Cr 29:11)

4 comentários:

Cida Kuntze disse...

Oi Lú querida!
É através das nossas atitudes que vamos mostrar se realmente tivemos um novo nascimento.
Ótimo texto amiga.
Um beijo carinhoso em você.

Filipe Oliveira disse...

Amém irmã Lucinalva, texto abençoado.
Queria te agradecer pelas palavras de encorajamento que deixaste no último comentário. Que Deus te abençõe viu?

Um excelente dia na presença do Pai. Abraço!

Edilson Júnior disse...

Oi Nalva... Valeu pelo selo!!! Já postei.
Têm um selo pra vc lá no meu blog:
http://mensageiroweb.blogspot.com/
bjs

Suely - HD disse...

Olá Lucinalva,
Boa noite amada!!!!

Texto abençoadoooooo

Tenha uma sexta feira de vitória.

beijos
Suely

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Copyright (c) 2010 Reflexões Diárias Lucinalva. Design by WPThemes Expert
Themes By Buy My Themes And Cheap Conveyancing.